Константин Тарасов
Печали каменного пояса tradução de letras

Also known as В Челябе звон, гудит толпа lyrics.

Portuguese translation of Печали каменного пояса by Константин Тарасов
E como em um rio, que, além da floresta,
Оплошка saiu, sim зазря
Afogamos jangada com o ferro,
E a glândula de zibelina.
A quem culpar? Sim como ninguém.
A quem culpar? De nós mesmos.
E se o executado, assim como penso
O círculo Até a terra.
E o melhor de каторги
Vida de nós, apesar de o lobo a uivar.
E aqui, antes da morte de bits катами
Sim e enviados para o abate.
Não é uma lição para sempre eternos.
Adeus, paraíso, sim tempestade.
Estamos a corrente com carrinhos de mão повенчаны,
Viu apenas os dentes sim os olhos.
Oh, luli-luli-люшеньки,
Perderam-se os nossos душеньки.
Sim mal só nós cardíacas,
Tão quão загублено - não encontrá-lo.
E aqui romperam as desgraças вешние
Sim, se esforçam para a barragem de снесть.
Foi o problema de reduzir a roda,
Em Каштыме-cidade мортиры derramam.
De porta em porta a idade da ... horário
Fui arrojado работный povos.
 
Em Челябе toque, alvoroçado com a multidão,
Batem os sinos sinos,
Sob o tambor, sob o uivo de colheita
 
Montando O Próprio Ivan Грязнов.
E quem é este, sim, quem é você?
Sim um impostor, ele e o ladrão,
Sim, ele холоп демидовской
Saiu no engano,
Утек sim esconder na folhagem,
Lambeu cicatrizes, alma черствел,
Sim пугачевском exército
Ele masnão chefe.
Realmente ele é colocado na cadeira do rei,
Repara as autoridades íngreme interrogatório.
Com o povo, tudo bom sim carícias -
Bem, com a боярами a sério.
Intoxicar a cabeça de liberdade,
Está decidido um julgamento justo,
Sim desculpe se refugiou do regulador -
Abanava gostaria de barriga ao vento.
 
Em Челябе toque, alvoroçado com a multidão,
Batem os sinos sinos.
Sob o tambor, sob o uivo de colheita
 
Справляет tribunal de Ivan Грязнов.
E quem é este, sim, quem é você?
Sim tempo passe pelo mundo andei?
Freira velha com клюкой
Pergunta para o riacho,
Lê, não sabe o
O que não Емельку traído.
Está circulando no deserto, sobre a dor,
À espera de sangue de galinha.
E como накружатся desagradáveis
Sim ventre covardes набьют,
Neve укроют mancha escarlate,
Sim tokmo a memória não сотрут.
Ah, quanto nos терпенья дадено,
Sim, um monte né susto passar? -
Aumentará a Rússia com дубьем, com рогатиной
A verdade лыковый povo.
Oh, luli-luli-люшеньки,
Não стерпят nossos душеньки.
My favourite lyrics ♥ Worldwide song lyrics and translations
All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics provided for educational purposes and personal use only.
Contact us.